Fundação Pró-Memória de Indaiatuba

Biblioteca Rui Barbosa

Na década de 1940 foi criada em Indaiatuba em caráter particular, por Antonio Modanezi, uma Biblioteca com um acervo estimado em 1.300 volumes, que passou a atender a população, na Rua Candelária, 771. Em 1964, através da lei nº. 825, de 25 de março do mesmo ano, o acervo foi doado para a Prefeitura Municipal, funcionando na Rua 15 de Novembro, esquina com a Rua Cerqueira César, onde se localizava o Paço Municipal de Indaiatuba. Nesse momento passou a ser organizada pelo então estudante de Direito Fernando Stein.

 

Na década de 1970, a Biblioteca deixou a sede do Paço Municipal, mudando de endereço várias vezes. Funcionou em diferentes espaços, como na Rua Siqueira Campos, Rua Cerqueira César e Rua XV de Novembro. Em 1992 a Biblioteca foi transferida pela, primeira vez, para o Casarão Pau Preto, onde permaneceu até 1999, quando se mudou para Rua Nove de Julho. Passou, ainda, pela Praça Dom Pedro II, no prédio da antiga E. E. Prof. Randolfo Moreira Fernandes, em 2001, e pelo Centro Integrado de Apoio à Educação de Indaiatuba, CIAEI, em 2004. Em agosto de 2007 retornou ao Casarão Cultural Pau Preto, onde permaneceu até o ano de 2013.

 

Devido ao restauro pelo qual o Casarão Pau Preto passou no ano de 2014, para atender melhor nossos usuários a Biblioteca Pública Rui Barbosa está localizada em novo endereço, Rua Osvaldo Cruz, 1015, Cidade Nova.  Seu acervo possui aproximadamente 30 mil volumes, dos mais variados temas e gêneros literários, entre eles, obras publicadas sobre nossa cidade. É possível também encontrar os livros mais lidos na atualidade, além de possibilitar a leitura de diversos periódicos.

© Fundação Pró-Memória de Indaiatuba
Desenvolvimento Web: Departamento de Informática (Prefeitura Municipal de Indaiatuba - Secretaria Municipal de Administração)